A arquitetura não compete com a paisagem e parece flutuar de tão leve

Casa Vogue | Maria Clara Vieira | Fotos Manolo Solís Fotografia

De frente para o mar, esta casa fica em Ixil, na península de Yucatán, banhada pelas águas quentes do Golfo do México. A estrutura de concreto tem linhas retas despretensiosas, que não competem com a paisagem do entorno – pelo contrário: parece que seus pavimentos simplesmente se ergueram das areias. Pelas amplas janelas com vista para o oceano, o vento tem passagem livre e refresca os ambientes. O projeto é do escritório Laboratorio de Arquitectura.

Ao mesmo tempo em que abriga e protege, a arquitetura também foi pensada para oferecer espaços abertos de contemplação. Repare na varanda que circunda a casa e funciona como uma zona de transição sutil entre os interiores e o ambiente praiano. O décor, assinado pelo escritório Artesano MX reforça a leveza da estrutura, com linhas retas, tons neutros e materiais naturais. Um belo convite às férias de verão!

Comentários

comentários